5 comentários que uma gestante não deveria ouvir

emoticons--face-silencio_17-317134049Pior que as dores que a mulher sente durante a gravidez são os comentários que ela escuta, seja da família, do marido, dos amigos ou até mesmo de desconhecidos. Mas, com certeza, soa pior quando é o marido que fala: “para de roncar”, “você só dorme, quando iremos fazer alguma coisa?” e a mais irritante é quando ele fala “essa gravidez também está sendo difícil para mim”.
 

Mas você pensa que para por ai? Está enganada. Veja uma lista do que não se pode dizer, em momento algum, para uma grávida:

s-300-500-21-frases-que-nao-se-diz-a-gravidas-imagem-2014071455157pm“Nossa que barriga grande, são gêmeos?”. Falar, “nossa como você engordou” se enquadra na mesma situação. Primeiro que falar isso nem marido, nem namorado pode! Muito menos um desconhecido ou sua sogra, certo? Como os hormônios estão a mil, tenha certeza que você não ficará contente com o resultado de uma pergunta como essa.

“Você não pode comer isso”. Você é nutricionista, endocrinologista, médico? O que a gestante poderá comer ou não, tenha certeza que o médico dela já falou. E se ela come pouco com certeza foi indicada a fazer isso; já se ela come muito, ela deve ser acompanhada de um profissional que poderá dizer se ela está comendo adequadamente ou não.

“Cansada? Você está de apenas 3 meses”. A mulher carrega um ser vivo dentro dela, alimenta ele pela comida que come e fica sem dormir pois sente dor. O último comentário que ela precisaria ouvir é de alguém questionando, o motivo do cansaço dela.

“Cadê o pai da criança?”. Você pode não saber da real situação amorosa da mãe. Dessa forma, evite comentários sugerindo a vida amorosa dela. Se ela for casada885165_329205947202739_924660171_o entenda que quando o bebê nasce o casamento fica um pouco abalado, pois a rotina mudará drasticamente. Isso não quer dizer que o casamento irá acabar: após o nascimento do bebê o casal cria um vinculo muito forte e o relacionamento se fortalece.

 “Aproveita para dormir agora, porque depois…”. Talvez seja o comentário mais frequente e, consequentemente, o mais chato. Ninguém é vidente aqui, né? Então para que fazer essas previsões que deixarão a mamãe preocupada? Ela vai dormir sim, cada bebê se comporta de um jeito e para tudo existe uma solução.  

Evitando esses tipos de comentários, você evita uma 3º guerra mundial, brigas e gritos. Pense assim, “o que eu NÃO gostaria de ouvir se eu estivesse grávida?”. É o melhor caminho, com certeza. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>